quarta-feira, 23 de março de 2011

O lado B de Obama




A primeira visita oficial de Obama  no último final de semana literalmente deu o que falar. O burburinho rolou solto nas redes sociais e não se falava em outra coisa na mídia, citando desde o roteiro instável do presidente americano até o look estiloso da primeira-dama. Diga-se de passagem, palmas para a simpática senhora e suas filhas. Elegância indiscutível.

Seu Obama não deixou por menos. Deu provas que estudou direitinho a cartilha “Como deixar um brasileiro deslumbrado”. É muito simples!

Basta você ser o primeiro negro presidente de uma nação continental capitalista. Aí, é só chegar ao terreno tupiniquim e exaltar as belezas, decorar umas palavrinhas em português e dizer como os nativos são fortes e batalhadores, que a esperança reina nesse lugar e que as duas nações são praticamente... irmãs!

Mais uma vez o discurso do “Yes, we can” deu certinho! Não é a toa que o discurso da posse de Obama está entre os 100 maiores da história.

Dizem que a visita do cara rendeu vários acordos econômicos entre Brasil e EUA, obviamente mais vantajosos para eles do que para nós. Cá pra nós, as intenções americanas no Brasil nunca serão das melhores.

Particularmente, eu torci muito pela vitória de Obama nas eleições presidenciais. Dava um real pra ver a cara de banana de Bush quando soube do resultado. Torci mais ainda para que ele tivesse atitudes mais dignas em relação a política ambiental dos EUA e um instinto menos intrometido nas guerras alheias. Mas pelo visto, ele tem um longo caminho a percorrer e muita coisa pra mudar.

Não sei por que, podem até me atirar pedras pelo que direi agora, mas o discurso sorridente de Obama me soou forçado, uma liçãozinha decorada durante dias pra fazer bonito por aqui. E como brasileiro é bicho besta, ficou logo encantado com a falácia do rapaz.

Posso estar enganada, mas essa visita não me deu boas impressões, aliás, tenho a leve impressão de que Obama está a um passo de revelar seu lado B.

3 comentários:

  1. Vc tá d+ na ft do perfil hein amiga!
    Parabéns pelo visual seu e do blog! Rssss!

    ResponderExcluir
  2. Oh, amigo, mto obrigada! rsrs Assim fico até sem jeito! Obrigada por tudo!

    ResponderExcluir
  3. Obama me pareceu o cara certo para a presidência depois de Hillary ter desistido. Com ela fora do páreo Obama sem dúvida seria a imagem mais moderna e diferente do "até então" para ocupar o cargo de presidente da nação mais armada do planeta.

    No início seu discurso era em retirar todas as tropas do Iraque e Afeganistão e acabar com essa bobageira de guerra, mas depois que ele assumiu e passou um tempinho lá o que foi que ele fez? Disse que os americanos tinham que defender o espírito patriota e deixou as forças armadas lá.

    O que poderíamos esperar, os Estados Unidos já vem de uma linhagem de intromissões em guerras muito antiga, lembram-se? 1ª e 2ª Grandes Guerras mundiais, Guerra da Coréia, Vietnã, Guerras do Golfo e inúmeras outras mais antigas.

    Os Estados Unidos não tem petróleo para os próximos 50 anos, o golfo está se esgotando e em guerra como sempre, o petróleo que provavelmente existe no mar de Bering será muito difícil de ser explorado, então o que ele quer com esse assunto? Pré-sal é claro, não acham estranho ele não ter tocado no assunto do Pré-sal ainda? Algo está sendo acordado atrás das cortinas e com certeza o Brasil vai sair com cara de trouxa no final.

    ResponderExcluir

Deixe seu rabisco por aqui!Em caso de dificuldade, envie seu comentário para o endereço rabisco-criativo@hotmail.com

Críticas são bem-vindas, mas educação e bom senso também.

Obrigada.