quarta-feira, 15 de agosto de 2012

O último choro

Nesta quarta-feira recebi através da TV uma notícia muito triste. Partiu Altamiro Carrilho, músico, compositor e flautista que difundiu o choro brasileiro pelo país e pelo mundo. Luto na música brasileira, para os milhares de fãs e para meu pai que sempre foi admirador e ensinou os filhos a gostar da música verdadeiramente brasileira. 

(1924 - 2012)

Com a partida de Altamiro, reacendem as lembranças que eu e meus irmãos temos das manhãs de domingo, em que acordávamos cedinho para gravar os especiais de chorinho da Rádio Educadora em fitas K7. Aliás, o acervo desses programas é enorme, muitas nem devem mais ter condições de serem ouvidas.

Mas em tempos onde tudo é digital, as obras de Altamiro e de outros célebres cantores e compositores estão ao alcance da população como nunca estiveram antes. Infelizmente, a ignorância impera e a maioria das pessoas desconhece a qualidade dos nossos músicos 'das antigas'. Quantos da nossa geração tecnológica podem afirmar que conhecem Pixinguinha, Adoniran Barbosa, Waldir Azevedo, Jacob do Bandolim entre outros?

Deixo aqui minha despedida ao mestre Altamiro, um 'até logo', pois sempre nos encontraremos toda vez que eu ouvir uma das suas interpretações. Com um aceno doído, contenho o meu choro para ouvir um dos meus preferidos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu rabisco por aqui!Em caso de dificuldade, envie seu comentário para o endereço rabisco-criativo@hotmail.com

Críticas são bem-vindas, mas educação e bom senso também.

Obrigada.