terça-feira, 16 de agosto de 2016

Escritos


Encontrei um diário antigo, onde escrevi entre os 09 e 12 anos, cheio de histórias malucas e pedidos descabidos. Minha revolta com a catequese, o desabafo sobre uma professora que me discriminava, o sofrimento quando os gatos sumiam, as brigas com meus irmãos, minha primeira poesia, o sonho de ser atriz (acredite!), etc.
Engraçado como, com o passar do tempo, uma parte da gente deixa de existir...e outra segue eterna...
C'est la vie!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu rabisco por aqui!Em caso de dificuldade, envie seu comentário para o endereço rabisco-criativo@hotmail.com

Críticas são bem-vindas, mas educação e bom senso também.

Obrigada.